Terça-feira, 17 de Maio de 2011 - 08h09
Magistério e governo de SC se reúnem hoje
Remuneração da classe continua em pauta.

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Santa Catarina (Sinte) e o governo do Estado encontram-se, hoje, em um audiência, no Centro Administrativo em Florianópolis. A expectativa dos professores é receber uma proposta salarial. Mesmo assim, a greve para amanhã está mantida e cerca de 700 mil alunos podem ser afetados.

A coordenadora do Sinte, Alvete Bedin, informou que eles esperam receber uma proposta que cumpra imediatamente a lei do piso salarial do magistério. Para os professores, a legislação é clara e não deixa dúvidas de que piso é o vencimento inicial sem a incorporação de qualquer abono. Os trabalhadores ainda pedem o pagamento no valor de R$ 1.587, em vez dos R$ 1.187 estipulados pelo Ministério da Educação. A diferença deve-se a um reajuste não concedido em 2009.

Alvete disse que, caso eles recebam uma proposta, ela será encaminhada aos professores, para ser analisada em assembleias regionais. Depois, um encontro estadual deve discutir a oferta do governo.

A audiência terá representantes das secretarias da Educação e Administração e da Procuradoria-geral do Estado. Antes de embarcar para a Europa, o governador Raimundo Colombo afirmou que vai obedecer à decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que, em abril, considerou constitucional o piso do magistério. Ele ainda falou que isso só não foi cumprido porque é preciso esclarecer alguns pontos.


Fonte: Diário Catarinense


COMPARTILHE:

Rádio Porto Feliz - AM 1530
Avenida Porto Feliz, 188 - Centro - Mondaí - SC
Ligue para nós: (49) 36740122

Este site também pode ser acessado via Smartphone/Tablet. Mais mobilidade para você.