Segunda-feira, 16 de Maio de 2011 - 08h13
Raimundo Colombo monitora greve da educação em Santa Catarina
Governador está na Europa, em sua primeira viajem internacional.

No início da primeira viagem oficial internacional — que inclui Alemanha, Portugal, Espanha e Suíça — o governador Raimundo Colombo está atento ao movimento dos professores públicos estaduais, decididos em Assembleia, na semana passada, a paralisar as atividades a partir de quarta-feira.

O vice-governador Eduardo Pinho Moreira (PMDB) é o responsável por relatar o passo a passo das negociações entre o Centro Administrativo e o Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte).

Na sexta-feira, depois da cerimônia de transmissão de cargo, Colombo e Pinho Moreira conversaram com dirigentes do Sinte. O assunto evoluiu para uma reunião, nesta terça-feira. O governo será representado pelos secretários Marco Tebaldi (Educação), Nelson Serpa (Procuradoria Geral do Estado), Milton Martini (Administração) e Derly de Anunciação (Comunicação).

Colombo reafirma que o governo terá que pagar o piso salarial nacional à categoria, mas sobre detalhes do acórdão do Supremo Tribunal Federal (STF), que derrubou a inconstitucionalidade proposta por Santa Catarina e outros estados, não daria todas as respostas. Uma delas é como se dará a colaboração do governo federal e em que percentuais na garantia de que os integrantes do magistério público estadual terá o piso assegurado.

 


Fonte: Diário Catarinense


COMPARTILHE:

Rádio Porto Feliz - AM 1530
Avenida Porto Feliz, 188 - Centro - Mondaí - SC
Ligue para nós: (49) 36740122

Este site também pode ser acessado via Smartphone/Tablet. Mais mobilidade para você.