Quarta-feira, 20 de Janeiro de 2021 - 15h44 - Atualizado em: Quarta-feira, 20 de Janeiro de 2021
PC cumpre mandados de prisões em Mondaí e Caibi devido a homicídio na região
Prisões ocorreram na manhã desta quarta (20)
Foto: Polícia Civil / Divulgação

A Polícia Civil de Caibi deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva de 03 pessoas com o envolvimento no homicídio ocorrido no dia 12 de janeiro de 2021, no Bairro da Gruta na cidade de Caibi, que vitimou um jovem de 30 anos.

O homicídio ocorreu em uma residência no bairro Gruta, onde ele foi morto a tiros. A vítima ainda apresentava sinais de agressões e inicio de amputação de um dos dedos.

Os autores alegaram que dois homens teriam chegado na casa e executado o jovem, mas as investigações concluíram que a vítima foi atraída até a residência para um “acerto de contas” ligados a droga, e quando chegou no local foi rendido e ficou por cerca de 1h sendo agredido para no fim, ser executado com disparos de arma de fogo.

Na residência estavam quatro pessoas, um homem de 25 anos, outro de 29 anos, um de 20 anos e outro jovem de 18 anos, todos ligados a facção criminosa, e que recebiam ordens por telefone.

O delegado Thiago de Oliveira representou pela prisão preventiva dos envolvidos, que foi prontamente atendida pelo Poder Judiciário, após manifestação da Promotoria de Justiça, culminando nas prisões em Caibi e Mondaí.

Os 4 serão indiciados pelo homicídio qualificado por motivo torpe e emboscada, e neste momento seguem presos à disposição da justiça.

O trabalho contou com apoio da Policia Militar e a Policia Civil e a Brigada Militar do Rio Grande do Sul.

A Polícia Civil destaca a importância da ajuda da sociedade, seja por ligação 181, ou pelo site www.pc.sc.gov.br, não sendo necessário se identificar.

Lembrando que amanhã você poderá precisar da ajuda da polícia, então colabore!


Fonte: Rádio Porto Feliz / Polícia Civil


COMPARTILHE:

Rádio Porto Feliz - AM 1530
Avenida Porto Feliz, 188 - Centro - Mondaí - SC
Ligue para nós: (49) 36740122

Este site também pode ser acessado via Smartphone/Tablet. Mais mobilidade para você.