Quarta-feira, 10 de Outubro de 2018 - 17h09
Polícia investiga caso de jovem que teve “suástica” marcada na pele
Caso ocorreu no RS
Foto: Reprodução Facebook / Divulgação / CP

O delegado Paulo César Jardim, titular da 1ª Delegacia de Polícia de Porto Alegre, irá investigar o caso da jovem que teve uma suástica marcada na barriga na rua Baronesa do Gravataí, no bairro Cidade Baixa, na Capital gaúcha.

Segundo informações prestadas pela mulher, de 19 anos, que não teve o nome revelado, ela teria sido atacada por três homens na noite de segunda-feira. Ao descer de um veículo do transporte público e se deslocar para casa, ela disse ter sido questionada sobre os motivos de usar uma camisa com o adesivo #elenão.

Segundo o Boletim de Ocorrência (BO), os homens a teriam agredido com socos. Na sequência, dois teriam segurado a menina e o terceiro teria feito a marca com um canivete. A suástica é um dos principais símbolos do nazismo implementado por Adolf Hitler na Alemanha.

“Vamos fazer uma investigação para saber como tudo ocorreu. Observando a foto (publicada em redes sociais), a primeira coisa que chamou a atenção é que o símbolo estava invertido”, afirmou Jardim.

A polícia começará a investigação colhendo o depoimento da agredida, buscando possíveis testemunhas e imagens de câmeras da região para tentar desvendar o caso. A jovem realizou o boletim de ocorrência na terça-feira à noite na 2ª Delegacia de Polícia (DP), mas a investigação será comandada pela 1ª DP.


Fonte: Correio do Povo


COMPARTILHE:

Rádio Porto Feliz - AM 1530
Avenida Porto Feliz, 188 - Centro - Mondaí - SC
Ligue para nós: (49) 36740122

Google Maps

Este site também pode ser acessado via Smartphone/Tablet. Mais mobilidade para você.