Quinta-feira, 28 de Abril de 2011 - 07h07
Encontro de gigantes no Centenário pela Libertadares
Colorado inicia busca a vaga na próxima fase da competição

é justo que os clubes brasileiros, por mais que estejam se fortalecendo na Libertadores, ainda se rendam às conquistas continentais do Peñarol. São cinco títulos do principal torneio sul-americano no currículo dos carboneros. Mas bem que o clube de Montevidéu, de passado glorioso, gostaria de ter o presente do Inter, seu adversário nesta quinta-feira, às 19h30m, no Centenário, em Montevidéu. O primeiro duelo das oitavas de final da Libertadores une um gigante dos primeiros tempos da competição com uma potência das últimas edições do torneio. O Peñarol ganhou as duas primeiras Libertadores, em 1960 e 1961, e depois voltou a conquistá-la em 1966, 1982 e 1987. E aí parou. Com o Inter, aconteceu o contrário. De passado no máximo mediano na competição, o clube se fortaleceu nos últimos anos. Foi campeão em 2006 e repetiu o feito na temporada passada.

O time colorado parte para seu maior desafio na temporada. Depois de uma fase de grupos com adversários pouco expressivos, chega a hora de colocar em prática o talento de figuras como D'Alessandro, a experiência de atletas como Guiñazu, a vivência copeira de peças como Bolívar e Rafael Sobis. O Inter precisa de um bom resultado no Uruguai para ter alguma tranquilidade no jogo de volta, semana que vem, no Beira-Rio. Falcão confirmou a manutenção de Andrezinho como titular do Inter. Com isso, Oscar deve ficar no banco no Centenário. Escalação: Renan, Nei, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Andrezinho e D'Alessandro; Rafael Sobis e Leandro Damião.

Será um jogo especial para Mario Bolatti. O volante retornará ao estádio onde fez o gol da classificação da Argentina para a Copa do Mundo de 2010. Foi em 2009, em jogo histórico contra o Uruguai.

Os clubes já se enfrentaram pela Libertadores. O Inter atropelou o Peñarol na Libertadores de 1989. Pelas oitavas de final, goleou por 6 a 2 no Beira-Rio e depois também venceu por 2 a 1 no Uruguai. Um dos gols colorados em Montevidéu foi marcado por Diego Aguirre, que agora é técnico do time de Montevidéu. Inter e Peñarol disputaram amistoso em julho do ano passado, na cidade de Rivera, que faz fronteira entre os dois países. A partida terminou empatada por 0 a 0. Nos pênaltis, os gaúchos venceram por 2 a 1.


Fonte: Globo.com


COMPARTILHE:

Rádio Porto Feliz - AM 1530
Avenida Porto Feliz, 188 - Centro - Mondaí - SC
Ligue para nós: (49) 36740122

Este site também pode ser acessado via Smartphone/Tablet. Mais mobilidade para você.