Domingo, 18 de Julho de 2021 - 06h32
Valorização do elenco aparece como ponto principal para evolução do Grêmio
Tricolor venceu a primeira no Brasileiro

Mal acabou de vencer o Fluminense, por 1 a 0, o técnico Felipão já celebrava no gramado do Maracanã o fato de o Grêmio não ser mais o lanterna do Brasileirão. O Imortal alcançou sua primeira vitória, somente na 12ª rodada, e chegou ao terceiro jogo seguido sem sofrer gols. Mais do que celebrar a pequena conquista, Scolari buscou um fato para ajudar a unir todos atletas.

Se a relação com o elenco será determinante, o treinador faz questão de defender seus comandados. Na coletiva, elogiou demais a aplicação tática de Alison e citou que "qualquer técnico no mundo quer" um jogador assim em sua equipe. Também reforçou a satisfação com Diego Souza, apesar da seca de gols. "Estou satisfeito com ele, não é porque não faz gol que não está fazendo o que solicitamos. Está fazendo sim".

Até mesmo na hora de valorizar a entrada de Vanderson, que foi o titular na lateral direita nos últimos dois jogos, Felipão negou que Rafinha não seja mais titular do Tricolor. "Tenho jogos que programo algumas situações e vou vendo o que pode acontecer nessas situações, o que posso fazer ou não", disse.

Ainda não dá para saber se uma nova 'Família Scolari' está sendo formada. Mas é certo que o técnico está confiante que o bom relacionamento com os atletas será o diferencial para que o Grêmio reencontre o caminho das vitórias. "Eles estão respondendo plenamente. Estão confiando naquilo que a gente mostra e eu confiando na recíproca que eles dão", declarou.

Outro ponto citado na coletiva pelo treinador é a necessidade de ter paciência da torcida e apoio dos jogadores para conduzir uma verdadeira reconstrução na equipe. Mais do que isso, o treinador deixa claro que trabalhará primeiro o setor defensivo para, quando estiver tudo bem lá trás, começar a pensar no quesito ofensivo.

"Penso que levará muito tempo. A cada 3 dias temos jogos, não tem como fazer um balanço. Vamos fazendo um trabalho de melhora física e também mental, pois vamos nos incentivando. O Grêmio, nesse momento, tem que ser assim. É uma ideia que os jogadores compraram e estamos fazendo uma coisa programada para, ao final do primeiro turno, ter uma situação melhor e começar a respirar. Nos outros campeonatos já estávamos bem e jogando em condições melhores. Mas neste, é difícil", declarou.

Pelo Brasileirão, a equipe volta a campo no sábado (24), às 17h, para encarar o América-MG. O jogo será um grande teste para o setor defensivo, já que Kannemann recebeu o terceiro cartão amarelo e está suspenso para o duelo. Antes disso, o Tricolor encara a LDU pela Sul-Americana na terça (20), às 19h15.


Fonte: Uol/esprte


COMPARTILHE:

Rádio Porto Feliz - AM 1530
Avenida Porto Feliz, 188 - Centro - Mondaí - SC
Ligue para nós: (49) 36740122

Este site também pode ser acessado via Smartphone/Tablet. Mais mobilidade para você.