Quarta-feira, 11 de Setembro de 2019 - 08h05
Grêmio pode repetir 2017 e contratar reforço exclusivo para a Libertadores
Leonardo rompeu ligamento do joelho direito e só volta a jogar no início do próximo ano
Foto: Divulgação/Site oficial do Grêmio

O Grêmio estuda repetir a medida adotada em 2017 e contratar um reforço exclusivo para a reta final da Libertadores.

Há duas temporadas, Cícero trocou o São Paulo pelo clube gaúcho e se mostrou decisivo na conquista do tricampeonato da América. Agora, a preocupação está na lateral direita, com a recente baixa de Leonardo, e meio-campo.

A possibilidade existe, mas é considerada difícil de se concretizar porque precisaria ser um 'negócio de ocasião'. Além disso, teria que ser uma operação rápida e que possa surgir a curto prazo.

O plano esbarra em questões legais e de mercado. A condição de jogo seria restrita aos duelos do mata-mata sul-americano, onde o Grêmio encara o Flamengo nos dias 2 e 23 de outubro. A primeira partida da semifinal da Libertadores será em Porto Alegre.

Depois, vem um aspecto que complica ainda mais. A maioria dos jogadores que atuam no Brasil tem perspectivas mais robustas até o final do ano. Em Porto Alegre, por exemplo, o reforço a ser contratado pode jogar no máximo três vezes: as duas partidas da semi e a eventual decisão da Libertadores, em Santiago (Chile).

O clube gaúcho tem monitorado jogadores sem espaço nos elencos da Primeira Divisão. A possibilidade de contratação de mais um reforço ainda não foi debatida de forma concreta com Renato Gaúcho. O treinador, contudo, já se mostrou favorável a negócios específicos.

Além de indicar Cícero em 2017, Renato foi entusiasta de uma investida por Thiago Neves às vésperas do recesso para Copa América. O meia-atacante já havia disputado a Libertadores e chegaria como reforço apenas para o Campeonato Brasileiro. Mesmo assim, havia intenção de buscar o jogador.

As tratativas esbarraram em diferenças financeiras. Vale lembrar que o time gaúcho já havia tentado trazer o atleta antes do início desta temporada.

Lucas Silva, volante que rescindiu com o Real Madrid, é um nome que agrada vários dirigentes do Grêmio. O jogador, que esteve emprestado ao Cruzeiro, não se encaixa no perfil atual de possível reforço por já ter jogado a atual edição da Libertadores com o clube mineiro.

Além de Leonardo, que só volta a atuar em 2020 por conta de lesão no joelho direito, o Grêmio enxerga carência na função de volante. O sonho de consumo do clube era ter um substituto para Maicon - com características semelhantes às do camisa 8.

Há dois anos, Cícero rescindiu com o São Paulo e assinou com o Grêmio no final de setembro. O jogador atuou nas duas partidas contra o Barcelona de Guayaquil, pela semifinal, e fez o gol da vitória no jogo de ida da final da Libertadores, diante do Lanús-ARG, em Porto Alegre.

O Grêmio volta a campo diante do Goiás, domingo, em Porto Alegre, pela última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro.


Fonte: Uol/ esporte


COMPARTILHE:

Rádio Porto Feliz - AM 1530
Avenida Porto Feliz, 188 - Centro - Mondaí - SC
Ligue para nós: (49) 36740122

Este site também pode ser acessado via Smartphone/Tablet. Mais mobilidade para você.