Quinta-feira, 14 de Março de 2019 - 09h35 - Atualizado em: Quinta-feira, 14 de Março de 2019
Gre-Nal marca reencontro de capitães Maicon e Dourado após troca de farpas
Clássico ocorre domingo (17) na Arena

Maicon e Rodrigo Dourado vivem, talvez, a maior rivalidade do clássico Gre-Nal hoje em dia. Depois dos acontecimentos do último duelo, a troca de farpas entre eles, as repercussões com entrevistas, os volantes voltam a se encontrar neste domingo. Ambos com a braçadeira de capitão de seus times.

Será no sorteio, junto à equipe de arbitragem, que eles irão ficar cara a cara pela primeira vez desde que tudo aconteceu. E na frente do juiz Maicon já conseguiu tirar até D'Alessandro do sério, exatamente em clássico do Gauchão do ano passado.

A confusão teve início após o clássico vencido pelo Inter por 1 a 0 no Beira-Rio, o último do ano passado. Maicon sequer esteve em campo, mas da antessala que leva aos vestiários gritava "não vem pedir arrego depois" aos jogadores do Inter. A confusão foi generalizada e envolveu jogadores, seguranças e o técnico Renato Gaúcho.

Dourado, questionado sobre as atitudes do capitão gremista, usou da ironia ainda na zona mista da casa do Inter. "O Maicon jogou? Eu nem vi ele em campo... Primeiro tem que jogar pra depois falar gracinha. Hoje eu não estava 100%, tomei duas injeções para jogar... Eu não fujo do Gre-Nal", disse.

As palavras causaram a ira do adversário, que nos dias seguintes pediu para falar e, em entrevista coletiva, quebrou decoro.

"Quem? Corneta de quem? Não sei quem é Dourado. Quem é Dourado? Vou refrescar a memória dele? Ele falou que eu fugi do jogo. Eu joguei oito clássicos, ganhei três, perdi um e empatei quatro. Onde ele estava no 5 a 0? Onde estava no 2 a 1 que teve esse episódio aí? Onde ele estava no mata-mata, no 3 a 0? Joguei não sei quantos São Paulo x Corinthians, São Paulo x Palmeiras. Como vou correr de clássico? Ele disse que tomou duas injeções para jogar. Bom, eu tomo mais injeção do que bebo água para jogar. Tenho quase 33 anos e nunca joguei sem dor. Quero ver jogar como eu joguei ano passado, com pé podre", disse.

A frase e os trejeitos de Maicon durante a manifestação viraram meme e são compartilhados pelos gremistas a cada encontro. Desde então, eles não mais se falaram.

Dias depois da fala forte de Maicon, Dourado evitou polêmica. Disse que aquilo já era coisa do passado, preferiu não colocar mais lenha na fogueira, e apagou qualquer fagulha que ainda restasse da partida.

Neste domingo, logo antes da partida eles estarão cara a cara. Dourado chega em novo status. Herdou definitivamente a braçadeira de capitão do time, antes de D'Alessandro, foi eleito melhor volante do Brasileiro passado e segue figura relevante no time. Maicon tem em seu favor a manutenção da relevância conquistada em quatro anos de clube e os títulos que se multiplicam recentemente.

Grêmio e Inter fazem o primeiro clássico do ano neste domingo às 19h (de Brasília) na Arena. O jogo vale pela penúltima rodada da primeira fase do Gauchão.


Fonte: Uol/ esporte


COMPARTILHE:

Rádio Porto Feliz - AM 1530
Avenida Porto Feliz, 188 - Centro - Mondaí - SC
Ligue para nós: (49) 36740122

Este site também pode ser acessado via Smartphone/Tablet. Mais mobilidade para você.