Quinta-feira, 11 de Outubro de 2018 - 09h54 - Atualizado em: Quinta-feira, 11 de Outubro de 2018
Grêmio entra em 'modo de decisão' com Palmeiras e River na agenda
Grêmio divide atenções entre jogo de domingo e semifinal da Libertadores
Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Treze dias ainda separam o Grêmio do jogo de ida com o River Plate, pela semifinal da Libertadores, mas no dia a dia o clube gaúcho já vive um clima diferente. O 'modo de decisão' foi ativado nos processos diários, incluindo planejamento para recuperação plena dos titulares, e também em setores administrativos. A partida diante do Palmeiras, pelo Campeonato Brasileiro, também entra nessa toada. Mesmo que em menor escala.

No Brasileirão, a meta do Grêmio é somar 10 pontos nas próximas quatro rodadas. O jogo de domingo, por ser contra o líder, reforça o ambiente de concentração elevada.

O termo 'modo de decisão' resume cotidiano que já foi vivido em 2016 e 2017, na Copa do Brasil e na própria Libertadores. Agora, ele volta à tona em duas frentes.

Administrativamente, o Grêmio se prepara para reunião com a Conmebol nos dia 16 e 17 de outubro. O encontro, com presença de representantes da CBF, AFA e outros semifinalistas visa acertar detalhes de logística e preparação para a penúltima fase da Libertadores.

Além dos preparativos para semifinal, o Grêmio também já foi acionado pela Fifa por conta da possibilidade de participação no Mundial de Clubes. Nas próximas semanas, o protocolo da entidade exige envio de lista de pré-inscritos e recebimento de documentação legal.

No campo em si, Renato Gaúcho monta estratégia para jogar as rodadas do Brasileirão sem deixar a ponta de cima da tabela muito distante, mas de olho no River Plate. O cenário foi vivido no ano passado antes dos duelos com Barcelona de Guayaquil-EQU.

Ao mesmo tempo, a comissão técnica trabalha para recuperar Everton. Os outros quatro lesionados - Marcelo Grohe, Léo Moura, Bruno Cortez e Ramiro, deverão atuar em Buenos Aires sem sobressaltos. É possível que alguns fiquem à disposição contra o América-MG, no outro final de semana, para eventual teste ou busca por ritmo de jogo.

Entre os jogadores, no entanto, o discurso é não pensar no dia 23. A estratégia tenta evitar ansiedade e suas consequências.

"A cabeça está muito tranquila, a gente nem pensa no River ainda… O jogo é só no fim de outubro e o jogo com o Palmeiras é primordial", disse Bressan. "A gente está disputando o Brasileiro e Libertadores é um papo para o final do mês", reiterou em outra resposta.

O Grêmio enfrenta o Palmeiras no domingo, às 16h (Brasília). A partida com o América-MG, no dia 19, foi antecipada das 21h para 16h. O embarque rumo a Buenos Aires ocorreu no dia seguinte e o jogo com o River Plate será na terça-feira subsequente.


Fonte: Uol/ esporte


COMPARTILHE:

Rádio Porto Feliz - AM 1530
Avenida Porto Feliz, 188 - Centro - Mondaí - SC
Ligue para nós: (49) 36740122

Google Maps

Este site também pode ser acessado via Smartphone/Tablet. Mais mobilidade para você.