Equipe Rádio Porto Feliz

Informativos
11:00 às 13:40

Terça-feira, 15 de Outubro de 2013 - 07h42
Greve dos bancários chega ao fim nas regiões de Florianópolis e Chapecó
A partir desta terça-feira, o atendimento ao público será normalizado.
Decisão foi tomada na tarde desta segunda-feira (14)

Decisão foi tomada na tarde desta segunda-feira (14)

Foto: Divulgação/SEEB

Com exceção do Banrisul, todos os bancos voltam a funcionar normalmente nesta terça-feira (15) em Santa Catarina. Os sindicatos nas regiões de Florianópolis, Chapecó e Blumenau decidiram nesta segunda-feira (14) em assembleias encerrar a paralisação. Acompanhando o quadro nacional, as demais cidades do Estado já haviam terminado a greve na sexta-feira (11).

Na Capital, a grande maioria dos 500 funcionários presentes na assembleia da tarde de ontem votou pelo fim da greve. Simara Pereira, diretora do sindicato dos bancários de Florianópolis e região, disse que, apesar da proposta insuficiente apresentada pelos bancos, os trabalhadores optaram por seguir a decisão geral dos sindicatos nos Brasil, que em sua maioria voltaram ao trabalho nesta segunda-feira.

Os bancários de Chapecó, Xanxerê e região aceitaram ontem à tarde as propostas da Caixa e Banco do Brasil. Já os funcionários da região de Blumenau deram fim à paralisação ainda pela manhã.

Para recuperar o tempo perdido, os trabalhadores aceitaram estender em uma hora, até 15 de dezembro, a duração dos trabalhos internos. O atendimento ao público, no entanto, não terá seu expediente alterado e as agências vão fechar nos horários normais.

O Banrisul, Banco do Rio Grande do Sul, que tem agências em Santa Catarina, é o único a permanecer com seus funcionários em greve. De acordo com o presidente do sindicatos dos bancários de Chapecó, Xanxerê e região, Sebastião de Araújo, os trabalhadores esperavam uma mesa específica de negociação para o banco, já que a instituição não costuma seguir o decidido pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban). Como o Banrisul não apresentou um proposta diferente da geral, a categoria reavalia a situação.

A proposta dos bancos foi de um aumento de 8% sobre o salários, sendo de 1,82% o aumento real, além de um incremento de 8,5% sobre o piso salarial (ganho real de 2,29%). Nas negociações sobre as condições de trabalho, os empregadores se dispuseram a considerar proibido o envio de mensagens de celular aos bancários cobrando resultados e a fazer um grupo de trabalho com especialistas para apurar as causas dos adoecimentos dos trabalhadores. Também, vão abonar um dia ao ano por assiduidade e aderir ao programa de vale-cultura do governo, no valor de R$ 50 ao mês.

Os bancários de Santa Catarina enxergaram como insuficientes as medidas para as condições de trabalho por não tocarem na questão do abuso moral para o cumprimento de metas de vendas de produtos da instituição. Também, acreditam que a criação de um grupo de trabalho seja uma solução paliativa.


Fonte: Diário Catarinense


COMPARTILHE:
Enquete

Queremos saber: você que acompanha o site da Rádio Porto Feliz, qual a sua faixa etária?

 
Resultados
Menos de 15 anos
3%
De 15 a 30 anos
45%
De 30 a 50 anos
39%
Mais de 50 anos
14%

 Voltar para enquete
Clique aqui para anunciar
Rádio Porto Feliz no facebook

Rádio Porto Feliz - AM 1530
Avenida Porto Feliz, 188 - Centro - Mondaí - SC
Ligue para nós: (49) 36740122
http://www.portofeliz.am.br/

Google Maps

Este site também pode ser acessado via iPad/Tablet. Mais mobilidade para você.